sexta-feira, 1 de março de 2013

As minhas amigas falam imenso sobre os pais dos coleguinhas dos filhos.
Sabem que carro conduzem, onde trabalham, o que fazem e onde vão aos fins de semana (sem falar obviamente sobre detalhes das suas condições físicas e sentimentais).
Eu conheço bem duas mães dos dois melhores amigos do meu filho e mesmo assim não faço a menor ideia do que comem ao pequeno almoço! Chego SEMPRE atrasada e vou a correr até á sala do meu amado filho onde lhe visto a bata em precisamente 5 segundos, enfio-lhe uma valente beijoca naquelas bochechas e vou a gritar pelos corredores : amo-teeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee.
Não sei ao certo se me chego a cruzar com alguém durante este percurso, mas posso garantir que não existe espaço na minha vida para confraternizações no meio escolar!
Pelo que tenho ouvido tenho perdido imensa coisa!! Quem diria que existe toda uma "comunidade paralela" nos jardins de infância deste País?!

1 comentário:

  1. Olà, Andreia!

    Me apresento porque é a 1a. vez que escrevo aqui: meu nome é Nina, sou brasileira mas moro na Itàlia. Tenho dois filhos e estou gràvida do 3o. pequeno.

    Sò para constar, o mundo è pequeno è aqui no meu canto è a mesma coisa. A comunidade paralela e forte e bem estruturada!!

    A minha situaçao é a mesma que a sua: chego nos minutos que antecedem o fechamento da porta da escola e nao encontro mais ninguém, o que para mim nao faz muita diferença.

    Ciao ciao!

    ResponderEliminar

Happy Code a nossa escolha para estas férias de Natal

  Amanhã é o ultimo dia de aulas e os miúdos preparam-se para ficar em casa quase três semanas de férias. Eu acho lindamente que se...